Notícias

ASMAT e AMAD contemplam quatro entidades filantrópicas com mais de seis mil quilos de alimentos e 17 mil tiras de fraldas

ASMAT e AMAD contemplam quatro entidades filantrópicas com mais de seis mil quilos de alimentos e 17 mil tiras de fraldas “Gratificação” é palavra usada pelo presidente da Associação de Supermercados de Mato Grosso (ASMAT), Kássio Catena, para definir o resultado da “Campanha Natal 2013”, realizada em conjunto com a Associação Mato-grossense de Atacadistas e Distribuidores (AMAD), que resultou em mais de seis toneladas de alimentos, roupas, materiais de limpeza, fraldas e leite especial, que foram doados ao Centro de Promoção Humana Emanuel (CENPRHE), Casa de Misericórdia e Lar dos Idosos São Vicente de Paula, as três entidades de Várzea Grande e, ainda, ao Hospital do Câncer de Cuiabá.

Catena explica que o sentimento de “gratificação” parece ser maior nesta campanha, por estar envolvido diretamente na arrecadação e distribuição dos alimentos às entidades.

“Este ano a Asmat e Amad fizeram diretamente à arrecadação e distribuição, com a colaboração da sociedade, que, espontaneamente, procurou um dos 40 pontos de coleta e colaborou. Por isso só temos que agradecer a população”, enfatiza.

As entidades, segundo Catena, foram escolhidas pela seriedade com que desenvolvem seus trabalhos perante a sociedade mato-grossense. “Estas entidades merecem, pois realizam um trabalho sério e toda a arrecadação é destinada ao fim social. Por isso ficamos felizes em colaborar”, disse.

CENPRHE atende atualmente 140 crianças e adolescentes em duas unidades: bairro São João e Santa Maria, ambos em Várzea Grande. O CENPRHE-SALETE é coordenado pelas irmãs Salettinas, Maria Tereza e Maristela, conta com uma área construída de mais 800 metros quadrados de área construída, com laboratório de informática, sala de música, biblioteca, salas para oficinas, cozinha, refeitório, área administrativa, bazar, quadra poliesportiva e paly groud.

Hospital de Câncer - foi fundado em 1999 e, desde então, presta serviços à sociedade mato-grossense por meio do Sistema Único de Saúde e também de convênios particulares. A instituição nasceu a partir da Associação Mato-Grossense de Combate ao Câncer, criada em 1954 por um grupo de médicos e voluntários apoiados pelo Rotary Club, que tinham como objetivo principal prestar assistência médica especializada ao paciente portador de câncer.

Para a nutricionista responsável pelo Hospital, Luana Falcão, todas as doações são importantes para dar um fôlego para a Unidade de Saúde, mas enfatiza que a dieta nutricional completa que a Asmat e a Amad estão doando, são essenciais para atender aos pacientes que não podem receber alimentos por vias normais.

A nutricionista disse ainda, que este tipo de doação “leite especial” que custa em torno de R$ 59 reais o litro, não é comum, pelo alto custo, mas que é de suma importância aos pacientes. Além do leite, foram doados mais de 17 mil tiras de fraldas entre infantis e geriátricas.
Casa de Misericórdia, localizada no bairro Cristo Rei, em Várzea Grande, atende atualmente 14 pessoas, dependentes de álcool e drogas, que não tem condições para pagar uma clínica particular. A entidade não conta com ajuda do Poder Público, em nenhuma instância, e sobrevive desde sua fundação no final de 1997, com doações da comunidade, de entidades religiosas, a Asmat e Amad, entre outras. Apesar do Poder Púbico municipal não ajudar, os Cras e Assistência Social do município encaminham pessoas à entidade.

Sérgio, presidente da Casa, também dependente de álcool sabe da importância da instituição na vida destas pessoas. Segundo ele, o índice de recuperação é de 3 a 5% por cento. Ele queixa da falta de uma política de inserção dos recuperados em álcool e drogas na sociedade.
“Precisa ter um projeto de reinserção destes homens no mercado de trabalho, porque se não a tendência é votar. A dependência é uma doença e precisa de tratamento e acompanhamento. Sérgio diz que só por hoje não está bebendo”, conta.

A limpeza e manutenção da Casa de Misericórdia são feitas pelos homens que lá se abrigam. O jardim é bem cuidado e local conta ainda com uma pequena capela onde são celebradas missas e recebem apoio espiritual. O sistema de administração da Casa é por meio de diretoria.

Lar dos Idosos São Vicente de Paula - A última entidade a receber a doação foi o Lar dos Idosos São Vicente de Paula – antigo Lar Dona Bebé, no bairro Marajoara, em Várzea Grande. O Lar atende hoje 54 idosos. O presidente da entidade João Gumercindo Cossin, também enfatiza a importância da doação dos alimentos, dos materiais de limpeza e das fraldas.

“Graças Deus esta doação vai nos ajudar enormemente. Pois vão suprir um bom período as necessidades da Casa. As fraldas vão nos ajudar muito, aqui no Lar pelo menos 50% dos idosos usam fraldas geriátricas e são consideradas de alto custo para nós. Então esta doação vai ajudar muito por um tempo, dar um fôlego”, enfatiza.

De acordo com o executivo da AMAD, Marcos Taveira foram disponibilizados 40 pontos de coletas e arrecadação junto aos supermercadistas – que culminou com o resultado de mais de seis toneladas de alimentos e compras de leite especial e fraldas, por ser materiais de difícil doação por parte da sociedade.

A “Campanha Natal 2013” contou com o empenho da presidente da AMAD mulher, Sheila Sborcha, do executivo da AMAD, Marcos Taveira e da secretária executiva da ASMAT, Tatiane Sanches e demais funcionários que não mediram esforços para que o resultado fosse um sucesso.

Fonte: Asmat